Viagem Express
França - Trekking Tour du Mont Blanc 360º com Agnaldo Gomes
O que você pode esperar
O Tour du Mont Blanc, também conhecido como TMB, 360º é a mais clássica das caminhadas dos Alpes. Uma oportunidade rara de realizar a volta completa no maciço da principal e mais famosa montanha da Europa Ocidental. Passando por três países (França, Itália e Suíça) o Tour du Mont Blanc oferece paisagens fantásticas, vales, campos, montanhas nevadas, agulhas de rocha que parecem tocar o céu. A cada dia vamos nos deslumbrar com uma das paisagens mais bonitas do mundo. Além disso, vamos conhecer as pequenas vilas e cidades do interior com suas construções únicas e antigas e vivenciar o espirito de montanha que toda a região respira, com anos de história por onde já passaram os maiores escaladores do montanhismo. Um trekking sem dificuldades técnicas, mas com certeza, desafiador por sua grande duração e pelo desnível acumulado durante o percurso.
SOBRE O PACOTE

15 DIAS / 14 NOITES

a partir de
€ 4.000,00 (por pessoa)

Saídas: Especificas
Validade: 01/09/2020
Código: 912
Pagamento:
Entrada de 30% + taxas e saldo em até 4 x sem juros.

Hotéis
Roteiro
O que inclui

- Acomodação em hotéis 3* e 2* (quartos duplos) ; Gites (quartos duplos ou pequenos quartos compartilhados) e uma noite em Refúgio de montanha (quarto coletivo)
- Café da manhã e jantar (exceto os dias em Courmayer (sétimo e oitavo dia, somente café da manhã))
- Acompanhamento do guia Agnaldo Gomes a partir de Chamonix;
- Transporte de bagagem entre os pontos de partida e pernoite (exceto sexto e sétimo dia)
 

NÃO INCLUI:

- Passagem Aérea;
- Taxas de embarque e de serviços;
- Tarifas para envio de documentação;
- Gorjetas;
- Serviços não descritos no pacote;
- Gastos pessoais;
- Gastos com documentação;
- Qualquer item que não esteja explicitamente descrito como incluído na Aba "Incluindo".

Observações

Importante:
- Valores em U$ (dólares americanos) por pessoa e serão convertidos em reais (R$) no dia do pagamento da reserva;
- Valores baseados em acomodação Dupla (consulte-nos para demais opções);
- Valores sujeitos à alterações e lugares sujeitos à disponibilidade;
- Alguns pacotes podem sofrer incidência de IRRF, novo imposto criado pelo governo no valor de 6,38% (não sobre o valor total). Para mais informações, fale com um de nossos consultores.

Notas sobre o destino/roteiro:
- A hospedagem nos hotéis obedecem em geral ao critério Internacional de horário de chegada (check in) a partir das 15hs e horário de saída (check out) até as 11hs,podendo ser alterado de acordo com a política de cada hotel.

Documentos necessários para embarque:

- Passaporte com validade mínima de 6 meses ou RG original (emitidos a menos de 10 anos e em boas condições);
- Certificado Internacional de Vacinação contra Febre Amarela tomada com, no mínimo, 10 dias de antecedência ao embarque.
- Seguro Viagem é obrigatório.

A documentação defeituosa ou incompleta – passaporte, RG, falta de vistos, vacinas ou impossibilidade de entrada em algum país expressada ao passageiro por órgão oficial local - será de única e exclusiva responsabilidade do passageiro, eximindo a Viagem Express de qualquer responsabilidade, inclusive do reembolso de qualquer tipo de despesas extras.

O que levar?

PÉS

BOTAS DE CAMINHADA

Devem ser específicas para trekking e cobrir o tornozelo. Compradas com antecedência e "amaciadas". Comprar no Brasil. Se você já tem a sua e se ela já tem mais de cinco anos, mesmo em bom estado, substitua por uma nova. Tanto a cola como os materiais ressecam com o passar do tempo e existe o risco de descolamento da sola.

MEIAS DE TREKKING

O ideal são meias de trekking de lã ou outro material térmico. Essas meias devem ser específicas para trekking, compradas em casas especializadas. Você vai notar que as meias de trekking são bastante caras, mas pense que estará andando por muitos dias. É importante ter os pés secos, confortáveis e quentes.

LINERS

Para quem tem extremidades frias é recomendado levar também meias finas ou liners de material térmico tipo capilene ou polipropileno.

PAPETE OU CROCS

Um par de sandálias ou chinelos. O ideal são "papetes" ou Crocs, pois podem ser usadas com meias, para descansar os pés após chegarmos ao lodge ou no acampamento.

TÊNIS

Um par de tênis para os passeios nas cidades.

 

PERNAS 

SEGUNDA PELE

Calças térmicas (segunda pele) tipo capilene ou polipropileno. 

CALÇA TREKKING 

Estes novos matérias de calças de trekking são mais justos já que de material stretching e resistentes a água secandocom muita facilidade e sujando menos.

CALÇA DE FLEECE(#)

Calça de fleece fino para usar a noite nos lodges ou barracas refeitórios ou então como uma camada extra nos dias mais frios. 

SHORTS

Um short ou bermuda. Pode ser também uma calça com zíper na perna.

SOBRE CALÇA

Uma sobre calça de material impermeável e respirável (como Gore Tex) com zíper lateral integral de modo a poder colocá-la e retirá-la sem precisar tirar a bota.

 

TRONCO

CAMISETAS DRY FIT

Camisetas de manga curta e camisetas de manga longa (além da roupa de baixo), de preferência de material tipo dry fit.

FLEECE FINO

FLEECE GROSSO

ANORAK

Um anorak com gorro, de preferência de material respirável como Gore Tex. Este anorak deverá ser bastante fino e ocupar pouco espaço, já que estará dentro de sua mochila todos os dias. Evitar anoraks forrados de fleece. Existem vários modelos, mas o importante é buscar um com capuz ajustável, zíper em baixo dos braços para melhor ventilação.

 

CABEÇA

GORRO

Gorro de fleece grosso cobrindo as orelhas. Recomendamos algo como o modelo Micro Dome da Mountain

BONÉ 

Pode ser com ou sem proteção para o pescoço tipo legionário.

CACHECOL OU BUFF

Cachecol de fleece, lã ou um Buff, produto espanhol extremamente versátil. 

 

MÃOS

LUVA FINA

Um par de luvas finas de material térmico. 

LUVA GROSSA(#)

Um par de luvas grossas. A luva grossa deve ser grande o suficiente para ser usada com a fina por baixo sem comprimir as pontas dos dedos. 

Equipamentos De Trekking

ÓCULOS

Óculos escuros com filtro UV. Para expedições de escalada é necessário ter proteção lateral. Para trekkings não.

LINER DE SLEEPING BAG

Nesta viagem em todas as acomodações existem cobertores para noite. No entanto se preferir algo mais para se proteger recomendamos um linear de sleeping Bag, uma peça feita de seda ou algodão no formato de um saco de dormir.

MOCHILA – DAY PACK

Uma mochila média de capacidade entre 35 a 50 litros com alças bem confortáveis e acolchoadas com capa impermeável. 

HEAD LAMP

Lanterna com pilhas reservas. Embora as head lamps (lanternas que são usadas presas na cabeça) não sejam obrigatórias, elas são muito mais práticas, já que deixam as mãos livres. 

BASTÕES DE CAMINHADA

Bastões de caminhada de altura regulável. 

 

MISCÊLANIA

SACOS ESTANQUE

É muito importante levar sacos estanque ou sacos plásticos para acomodar todas as suas roupas, sleeping bag, equipamentos eletrônicos, etc. 

Se for levar sacos plásticos, opte por sacos mais grossos e resistentes.

Leve uma quantidade suficiente para tudo possa ser ensacado, tanto as coisas que irão na mochila com você quanto as coisas que irão no duffle bag. É interessante ter sacos de vários tamanhos.

NÃO PODEMOS GARANTIR QUE, NUM DIA DE CHUVA, O MATERIAL QUE ESTIVER NO

DUFFLE BAG NÃO IRÁ MOLHAR.

DESPERTADOR

Traga um despertador. Os celulares não funcionam muito bem, já que em algumas viagens não conseguimos recarregar a bateria.

CANTIL

Cantil de 1 litro. Os cantis de plástico duro são os mais recomendados, principalmente os de boca larga. Reservatórios de água para mochila tipo “Camel Back” também são interessantes.

FILTRO SOLAR E LABIAL

Filtro solar com proteção mínima fator 15 e protetor labial com filtro solar.

TOALHA

Toalha. Recomendamos comprar uma wet towel, toalha de material sintético que deve ser guardada molhada e com isso não fica com mau cheiro.

DUFFLE BAG

Saco de cordura ou nylon grosso para levarmos seu equipamento durante o trekking. Trazer um dufle bag grande com 120 litros ou mais.

CADEADO

Comprar de tamanho médio para o duffle bag. Sugerimos os de números ao invés de chave, pois são mais práticos.

MÁQUINA FOTOGRÁFICA

Máquina fotográfica, de preferência máquinas leves com bateria com grande duração ou levar baterias extras.

SNACKS

Recomendamos levar dois snacks por dia de expedição, para comer entre as refeições. Por um snack entende-se a quantidade de calorias equivalente a uma barra de cereais. Pode ser chocolate, frutas secas, nozes, barra de cereais, castanhas, bolachas etc.

PAPEL HIGIÊNICO

Recomendamos dois rolos.

LENÇOS DE PAPEL

Lenços de papel em grande quantidade (nas montanhas, devido ao ar frio e seco, a coriza é constante).

ARTIGOS DE TOILETE

Levar artigos essenciais como sabonete, escova e pasta de dentes, desodorante, aparelho de barbear, hidratante e lenços humidecidos.

LIVROS

Opcionais. Uma boa idéia é levar um Kindle que é mais leve e tem bateria longa.

COLETE

Opcional mas uma boa peça de vestuário de montanha para quando você prefere o torax protegido e os braços descobertos.

 

REMÉDIOS

Medicamentos de uso pessoal. Trazer do Brasil. Recomendamos a seguinte lista:

Diamox para tratamento de Mal de Altitude;

Azitromicina para tratamento de infecções bacterianas das vias respiratórias e de diarréia bacteriana;

Analgésicos como Novalgina ou Paracetamol;

Descongestionante nasal como Naldecon diurno e noturno;

Rehidratante oral em pó;

Antiinflamatório;

Imodium, para diarréia;

Fibra como Metamucil caso você tenha tendência para obstipação.

Atenção: Reservamo-nos o direito de corrigir possíveis erros de digitação.